Tuesday, 16 April 2013

Com o coração em Boston

O Maratonista tem estado "adormecido". Com uma vida muito condicionada devido ao envolvimento noutro tipo de causas, não tenho conseguido dedicar o tempo a este blog e, pior do que isso, nem sequer tenho conseguido manter uma cadência de treinos digna desse nome. Logo que o projecto em que estou envolvido atinja o seu destino, espero recompor a minha organização de vida e voltar às maratonas.

Isso não me impede de hoje vir aqui para expressar a minha revolta por aquilo que aconteceu ontem em Boston. Fazer explodir bombas numa festa que junta pessoas de todo o mundo à volta da corrida, num evento que recebe ricos e pobres, gente letrada ao lado de pessoas sem instrução, jovens e gente mais idosa, todos nas mesmas circunstâncias e a viver um momento de comunhão e partilha é totalmente inaceitável.

Não há justificação que se possa apresentar para este tipo de actos e todos nos devemos unir na condenação, não deixando que o medo que os seus autores pretendem espalhar se apodere de nós. Qualquer um de nós, que gostaria de ter estado em Boston, poderia estar no lugar de quem faleceu ou de quem ficou ferido. É por isso que o meu coração está em Boston, muito especialmente com as vítimas.

No comments:

 
Free counter and web stats