Tuesday, 16 December 2008

1º Meeting blogger - A reportagem

A minha expectativa quanto a este encontro de amigos era grande. A amizade que vamos ganhando com os responsáveis pelos blogues de atletismo que acompanhamos e que comentamos aliada à dificuldade em conviver nas provas em que nos vamos encontrando, pois o tempo é sempre pouco, fazia com que alimentasse a esperança de, finalmente, poder conversar e conviver calmamente com estes amigos.

Sendo o participante que se deslocou de mais longe, acabei por ir de vespera, ficando hospedado em Torres Novas (cerca de 25 Km), por indisponibilidade de hoteis em Tomar. Segundo soube, havia um campeonato de natação, o que esgotou totalmente as camas existentes nas várias unidades hoteleiras de Tomar. Bem, de Tomar e mesmo de Torres Novas, pois no hotel onde fiquei hospedado estava acompanhado por várias equipas de natação...

O domingo, dia do encontro, amanheceu carregado. As núvens pairavam no céu, ameaçando descarregar a qualquer momento. Durante a curta viagem de Torres Novas até Tomar as coisas correram bem, mas quando cheguei ao destino (com uns bons 15 minutos de atraso...), a chuva já dava o mote do que seria o dia.

O primeiro encontro foi à entrada da Mata dos Sete Caminhos, um espaço maravilhoso, ao qual voltariamos alguns momentos depois, já no decorrer do treino matinal. Era momento de nos cumprimentarmos. Alguns já conhecia pessoalmente, como eram os casos da família Mota e do António Almeida, com quem me havia cruzado na Maratona do Porto. Como todos os outros travei conhecimento naquele instante. Surpreendido com a qualidade da logistica preparada pelos Mota acabei por beber um chá quente, que soube muito bem! Ainda havia bolachas e bolo-rei, mas como o treino aconteceria logo a seguir entendi não ir além dos líquidos!

Junta toda a comitiva, era hora de treinar. Quase sempre acompanhados pela chuva fizemos um treino que envolveu diversos tipos de andamento e diversos tipo de terreno. Andamos devagar (na primeira hora), e andamos mais rápido (ultimos 25 minutos). Andamos em alcatrão e andamos em trilhos de terra. Andamos na cidade e andamos na floresta. Enfim, um excelente treino que nos deu imenso prazer.

De entre todos os companheiros que correram é justo deixar uma palavra especial para o belo desempenho da Mariana Mota, uma jovem de tenra idade, mas que aguentou com valentia a primeira hora de corrida, sempre em bom ritmo. No entanto, mais do que a qualidade atlética da Mariana, o que mais me sensibilizou foi a alegria e o prazer que irradiavam dos seus olhos, mostrando o quanto ela estava a gostar de treinar connosco!

Depois do treino, e já em cima da hora do almoço, era tempo de passar à componente gastronómica do convívio, algo que nunca pode faltar numa festa lusa. O simpático restaurante que nos acolheu não permitiu a distribuição ideal das pessoas, pois acabamos por ficar algo distantes. Apesar disso, tivemos oportunidade de falar sobre as maratonas passadas e as futuras, as lesões passadas e as que não queremos que venham, dos records pessoais que já fizemos e dos que ainda sonhamos fazer, enfim, tudo aquilo que os corredores sempre falam!

No final tivemos mais uma surpresa. O Luis Mota entregou um presente a cada um dos bloggers presntes. Era uma placa em mármore (imagem no post anterior), na qual estava esculpida uma bela imagem alusiva ao evento, uma obra de atesanato feita especialmente por um atleta Tomarense, o Luis Rodrigo, a quem é devida uma sincera palavra de agradecimento.

Depois do almoço, e como o tempo se apresentava instável para grandes passeatas ao ar livre, fomos para casa do casal Mota, onde nos aguardava um farto lanche. Foi assim que passamos a tarde, que voou a uma velocidade tal que nem demos por ela (até parecia o Mota a fazer a Meia Maratona!). Geralmente é o que acontece quando estamos com os amigos.

Penso que todos levaram deste encontro a vontade em repetir. Por mim, repetia mais vezes um treino com tão estimulante companhia. Repetia mais vezes o convívio com amigos que partilham o mesmo prazer pelo atletismo. Repetia mais vezes a vivência de tudo isto em companhia das nossas famílias.

Por tudo isto, ao
Luis Mota e família,
António Almeida e família,
J. Brito e família,
Joaquim Adelino,
Susana Adelino e Daniel,
Ricardo
Marco Paiva

quero deixar um forte e sentido abraço!

A todos os que não puderam estar presentes deixo esta reportagem para que se animem a juntar-se a nós da próxima vez. Sim, porque vai mesmo haver próxima vez!

8 comments:

Mark Velhote said...

Olá Miguel,

Pelos relatos que já tive oportunidade de ler o 1º Meeting foi um grande sucesso!
Todos os pormenores e a organização do Luís Mota foram sem dúvida excepcionais!
Fiquei triste de não poder estar presente, mas outra oportunidades virão.

Um abraço

joaquim adelino said...

Amigo MPaiva
Este 1º Encontro de blogs de amigos que de uma forma ou outra estão ligados à corrida permitiu coisas fantásticas, nomeadamente conhecer os amigos com quem habitualmente trocamos mensagens.
Gostei muito de o conhecer e à sua família e de ter partilhado convosco os momentos muito enriquecedores que passámos juntos em Tomar.
Já o fiz no meu blog, mas quero dizer-lhe novamente, que fiquei muito sensibilizado pelo seu gesto de abrir aquela garrafa de vinho do Porto nesta ocasião. Tinha um grande significado para si e quis partilhá-lo conosco, obrigado.
Parabéns também pelo excelente relato que faz do 1º Encontro de blogs, partilhando eu também da ideia de se começar desde já a idealizar o próximo Encontro. O Fernando Andrade já anda a sondar.
Meu caro amigo envio-lhe um abraço,
extensível à família.

luis mota said...

Olá Miguel!
Foi um prazer receber e conhecer toda a família Paiva.
Foi um belo convívio de bloggers. Este encontro foi valorizado pela presença das famílias.
Esta é a chave do sucesso!
Agradeço teres vindo de tão longe para enriquecer o nosso encontro.
Agradecer também à Susana e à pequena e simpática Joana os momentos de alegria que nos proporcionaram.
Obrigado por teres aberto a garrafa ganha na tua primeira Maratona com o grupo. Foi o melhor vinho do Porto que bebi!
Grande abraço,
Luís Mota

BritoRunner said...

Olá M.Paiva.
Foi um prazer conhecer-te pessoalmente assim como toda a tua família, embora o dia fosse pequeno para tanta coisa que queriamos partilhar o treino em conjunto acabou por ser uma das boas partes,principalmente a primeira hora que ainda permitiu alguma conversação (a parte final foi só para campeões).
Bons treinos para as maratonas que se avizinham.

JCBrito
EntroncamentoRunners

Anonymous said...

Olá Miguel
foi um dia inesquecível e como tu e todos os restantes a vontade de repetir é grande, como dizes e bem, vai haver uma próxima...
Gostámos de te rever e de conhecer a Susana e a Joana.
Forte abraço,
António Almeida e família.

João Meixedo said...

pode ser que no 2º encontro eu possa estar presente.
Pode ser até que um dia se realize a "Corrida Encontro de Blogueiros"

Ricardo Baptista said...

Olá Miguel,
Gostei muito de conhecer a família Paiva.
Enquanto não nos virmos por aí a correr, o que vai ser dificil, vamo-nos vendo por aqui.
Boas corridas.

Susana said...

Olá Miguel, foi um dia espectacular realmente. Quando vamos a postar no blogue ou comentar sobre o evento, parece que não temos palavras para descrever. Também gostei muito de tudo, do convívio, enfim, dá mesmo vontade de repetir muitas e muitas vezes momentos assim. Não me canso de repetir, ideia fantástica do Luis Mota! Prazer em conhecê-lo e à sua família. Vamo-nos vendo nas corridas. Continuação de bons resultados e até sempre

 
Free counter and web stats