Wednesday, 4 May 2011

Regresso aos treinos

Depois de um mês em que fui forçado a parar por razões de força maior, voltei a correr na passada segunda-feira. Dadas as circunstâncias, as sensações foram razoáveis, embora tenha sentido algum cansaço no final de um treino que, em condições normais, não deixaria a menor mossa.

Tudo estaria bem, não fosse dar-se a circunstância de estar a menos de 10 dias de correr uma maratona. Aliás, para quem tinha prometido a si mesmo que só voltaria a correr uma maratona quando sentisse, para lá de quaisquer dúvidas, que estava bem preparado, esta situação em que me vejo é realmente incrível. De qualquer forma a vida é mesmo assim: temos de estar sempre preparados para ser confrontados com o inesperado e para testar a nossa capacidade de resistência...

Este fim de semana vou fazer um teste que me irá ajudar a definir a estratégia para a prova que, como é óbvio, será diferente da que levava na cabeça em cada uma das 3 vezes anteriores.

8 comments:

Fernando Andrade. said...

Olá Miguel
Há por aí quem diga que só deve fazer uma maratona quem estiver devidamente preparado. Mas eu, que não sou fundamentalista, diria antes que qualquer um pode fazer a maratona desde que obedeça a um andamento adequado à preparação que fez. No nosso caso, apontar para uma marca sub 3,30 já implica algum respeito e níveis de confiança altos; Mas apontar para 4,00h (desde o início!...) com um ritmo suave, permite chegar à meta em boas condições físicas e psicológicas.
Em prova, quando te estiveres a "entusiasmar", deves lembrar-te da paragem que fizeste na preparação e...moderar.
Como sabes, a maratona "engana" muito: as nossas convicções aos 10km são diferentes das que temos aos 30. A sabedoria está no doseamento e equilíbrio do nosso esforço, coisa que eu raramente cumpro. Mas não custa "vender" a teoria.
Grande abraço, Miguel e mantém o espírito positivo.

Novais said...

Viva Miguel
O comentário do Fernando aqui deixado é a sabedoria de quem já têm muitas nas pernas, por isso é de aproveitar. Com um ritmo mais calmo durante a primeira meia poderás recuperar depois na segunda e ainda alcançar um excelente tempo.
Espero que consigas optar pela estratégia certa.
Desejo-te uma boa maratona e como o Fernando diz, espírito positivo acima de tudo.

BritoRunner said...

Desejo-te uma boa Maratona.

Aprecia a corrida sem a presão dos tempos, pode ser que no final te surpreendas.

Abraço
JBrito

MPaiva said...

Fernando,

Em princípio, a minha intenção é começar a 6:00/km para fazer a primeira parte com o menor "gasto" possível. O grande problema é que não me lembro de alguma vez ter corrido tão devagar na fase inicial de uma corrida e, por isso, não sei se me consigo aguentar!!!!
O teste de domingo é exactamente para testar a minha capacidade de autodisciplina!

abraço e obrigado pelo apoio!

MPaiva

MPaiva said...

Novais,

Excelente tempo é coisa que tenho a certeza de que não vou fazer. Veremos se, pelo menos, consigo acabar sem sofrer muito. Se o conseguir já ficarei muito feliz!

abraço
MPaiva

MPaiva said...

Brito,

Já que falas no assunto, os meus melhores "sonhos" para a provam passam por isso mesmo: andar devagar no início e chegar à parte difícil com tão pouco desgaste que consiga, não só manter, mas até melhorar um bocadinho o ritmo. Veremos...

abraço
MPaiva

Maria Sem Frio Nem Casa said...

Muito juízo é só o que te digo...

Só só saberás, se estás mesmo recuperado da lesão - para correres aquelas horas todas.... se a preparação física é suficiente para correres 42195 metros... só tu saberás Miguel

E se decides ir, então está de certeza bem decidido! Não duvido nem questiono sequer!

Agora já sabes, terás de fazer a prova nas circunstâncias actuais em que te encontras.

Que corra tudo bem, e tu também: que corras BEM.

Um beijinho e torço por ti

Ana Pereira

MPaiva said...

Ana,

Quando colocamos estes objectivos a nós próprios tendemos a querer concretizá-los a qualquer preço, mesmo que as circunstâncias, às vezes, nos aconselham em sentido contrário.
No meu caso, vou correr e penso que conseguirei. Não será a maratona que eu sonhava fazer, mas acredito que chegarei ao fim.

bjs
MPaiva

 
Free counter and web stats